menu
ALT + 1
conteúdo
ALT + 2
home
ALT + 3
pesquisar
ALT + 4

contraste

texto

Início do conteúdo

cidadão > Segurança Pública > 2º Distrito Policial

2º Distrito Policial

2º DISTRITO POLICIAL
DE BENTO GONÇALVES



 

2º Distrito Policial
Rua 13 de maio, 222 – Centro
(54) 3452-7003 e (54) 3452-8978
bentogoncalves-dp02@policiacivil.rs.gov.br

Horário de funcionamento: das 8h30min às 12h e das13h30min às 18h, de segunda a sexta-feira.

 

 

Área de atuação:

A 2ª Delegacia de Polícia, ou Distrito Policial, foi criada no dia 12 de dezembro de 1996 para desafogar o grande número de Inquéritos e de Investigações existentes na única Delegacia de Polícia que havia no Município.
A área de competência da Segunda Delegacia de Polícia fica ao sul do município, sendo que na área urbana engloba os crime de maior potencial ofensivo que ocorrem nos bairros: Cohab II, Borgo, Barracão, Vila Nova (todos), Imigrante, Santa Marta (todos), Santa Helena (todos), Santo Antão, Botafogo, São Francisco, Cidade Alta, Floresta, Municipal, Vale dos Vinhedos, Fenavinho, Jardim Glória, Licorsul, Planalto, Salgado, São Rafael, Verona, Zanetti, Vila Verde, Santa Rita, São Bento, Vinagreira, Pomarosa, Vinosul, Tamandaré (BG), além dos distritos e outros loteamentos que fiquem ao sul.

 

Palavra do Delegado de Polícia titular da 2º Distrito, Álvaro Luiz Pacheco Becker:

A Segurança Pública está nas manchetes dos meios de comunicação em geral, pois vende e é conversa em mesas de bar, rodas de amigos, em grupos de trabalhos ou nas esquinas. Também é assunto em conferências e simpósios de experts no assunto. No entanto esquecem que não basta discutir, dar orientações e aconselhar sem o suporte logístico adequado, ou seja, para que a Segurança seja eficaz devemos iniciar em casa. Como? Com pais presentes e que reunam seus filhos e falem para eles, desde o momento em que eles começem a entender o significado de segurança, sobre como devem se portar em sociedade. Primeiro com a família em geral, em especial com seus pais e irmãos, depois com seus amiguinhos, colegas de aula, vizinhos, colegas de serviço e assim sucessivamente, lembrando a eles que o respeito ao ser humano, às leis e aos costumes é a mola mestra para que sejam também respeitados. Que eles sejam educados cívica e moralmente, sabendo dirigir-se aos mais velhos e às autoridades constituídas com a devida deferência. Isto certamente lhes abrirá portas que a falta de educação nunca abrirá. É importante que os filhos saibam obedecer ás regras que lhes são impostas, seja pelos pais, pela sociedade ou mesmo as leis em geral. Se seguirem os conselhos daqueles que atingiram a maturidade sem máculas, seguirão bons conselhos e certamente saberão que a Segurança Pública é um bem que passamos de geração a geração e que depende unicamente da sua vontade em ter e dar segurança. Como podemos cobrar segurança do governo e das suas autoridades se não sabemos dar segurança para nossos filhos?. Dê ao seu filho condições de saber distinguir o que é o bem e o que é o mal. Aquele que é bem orientado, certamente trilhará o caminho do bem.

 

1 - Não reaja, não faça gestos bruscos e provocativos;
2 - Não encare os assaltantes;
3 - Haja sempre com calma;

 

Evite cair no ‘conto do bilhete premiado’.
Não forneça dados a pessoas estranhas, mesmo quando elas lhes digam que foram sorteadas, que ganharam algum tipo de prêmio. Está ocorrendo na cidade um número muito grande de pessoas caindo em golpes como o conto do bilhete. As vítimas são convencidas a retirar dinheiro das suas contas e entregá-lo para os estelionatários, por acharem que vão ganhar mais dinheiro, mas ficam com um pacote de papel nas mãos. Esteja consciente de que o dinheiro não cai do céu.

Fonte das informações: 2º Distrito Policial de Bento Gonçalves.